title

Saúde Brasil

Ministério da Saúde

1
Followers
0
Plays
Saúde Brasil

Saúde Brasil

Ministério da Saúde

1
Followers
0
Plays
OVERVIEWEPISODESYOU MAY ALSO LIKE

Details

About Us

O Podcast do Ministério da Saúde

Latest Episodes

PREVENÇÃO: Campo Grande (MS) vai testar mosquitos que combatem a dengue

A cidade de Campo Grande (MS) será a segunda no país a testar uma técnica inovadora para prevenção da dengue e outras doenças carregadas pelo mosquito Aedes aegypti, como chikungunya e zika. Trata-se do Método Wolbachia, uma nova estratégia de ação do Ministério da Saúde. A Wolbachia é um microrganismo presente em cerca de 60% dos insetos na natureza, mas ausente no Aedes aegypti. Esse microrganismo reduz a capacidade de o mosquito transmitir dengue, Zika e Chikungunya. Desta forma, o Wolbachia foi inserido em mosquitos para que eles se misturem à natureza e aos outros mosquitos e, assim, diminuam o número de casos dessas doenças. Cerca de 2.500 profissionais de saúde, entre agentes de endemias e agentes comunitários de saúde, estão recebendo capacitação para atuar nas ações de vigilância, incluindo a mobilização da população nesta nova estratégia. Nessa segunda-feira (17), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, assinou o documento que formaliza a participação de Campo Grande na iniciativa e explicou que a dengue se combate com prevenção. “A dengue só tem um caminho: prevenção! Se você não consegue prevenir e, às vezes, é difícil mesmo, nosso estado tem clima tropical, chuvas de verão, calor intenso... Todos os anos que entra o vírus que não estava circulando, o mosquito está presente, pega carona no vírus, as pessoas não tem imunidade e dá um número enorme de dengue”. Durante a solenidade na capital do Mato Grosso do Sul, o ministro Mandetta entregou 80 equipamentos (entre monitores de sinais vitais e desfibriladores) para reforçar o atendimento à população em unidades de saúde de 42 municípios do estado. Esses equipamentos são usados, principalmente, na remoção de pacientes, em UTI’s, pronto-socorro e enfermarias. Nos próximos dias, serão entregues cerca de 230 equipamentos a outros três estados: Roraima, Rondônia e Paraíba. Ao todo, são 321 equipamentos distribuídos neste ano com investimento de quase dez milhões de reais.

2 MIN3 d ago
Comments
PREVENÇÃO: Campo Grande (MS) vai testar mosquitos que combatem a dengue

SAÚDE CRÔNICA: Não apresse a vida, tudo tem seu tempo

Eu fui pai aos 21 anos e, apesar de não ser mais um adolescente, a minha vida inteira mudou a partir daquele momento. Para ser bem honesto, tudo já havia mudado quase um ano antes, quando eu ainda tinha 20 anos e acabava de saber que minha namorada estava grávida. Foi um baque absurdo que me deixou perdido por algum tempo. Dali em diante, eu teria a responsabilidade cuidar de uma criança, ensinar os primeiros passos e mostrar como nosso mundo funciona. Confesso, que estava assustado. Como não ficaria? Não houve um planejamento para aquela situação, aquele momento. Será que eu daria conta de tomar conta de uma pessoinha tão dependente de tudo para viver? A maior parte disso tudo passou bem rápido, bastou que eu desse a primeira olhada no Arthur, todo miudinho e encolhido, envolvido em uma manta verde clara enquanto dormia no berço do hospital. Meu coração acelerou sem que eu nem percebesse, parecendo que sairia peito à fora. Enquanto eu olhava aquele bebezinho, parecia que o mundo ao meu redor havia parado de girar e eu não conseguia pensar em nada, apenas sentia as emoções que chegavam naquele momento. Quando voltei aos sentidos plenos, notei que estava prendendo a respiração sem motivo algum. Então relaxei e pensei “vai dar tudo certo”. Aqueles dias foram muitos difíceis. Tão complicados que quando a madrugada caia e a cidade estava em silêncio, eu me aninhava na janela do apartamento observando absolutamente nada e pensava em silêncio. Refletia sobre sacrifício e dedicação. Recordava sobre tudo o que meus pais fizeram por meus irmãos e eu, e em como eu poderia repassar um pouco disso ao meu pequeno Arthur. Pensava no que eu podia fazer por ele, no conforto, na saúde, nos estudos, na diversão, no carinho e no amor. Fui sempre adiante. E, assim, o tempo transcorreu na sua forma constante e inabalável enquanto, para nós mortais, a impressão seja a de que algumas horas correm e outras se desenrolam vagarosamente. Hoje olho para trás, contemplando esses 14 anos, vejo nitidamente que poderia ter sido mais fácil, algumas formas de trabalhar a vida poderiam ter sido outras, mas como eu poderia saber? Era pouco mais que um jovem adolescente com toda sua pressa em ter o mundo na hora! Tive a sabedoria de meus pais como guia enquanto seguia nessa jornada e não poderia ser mais feliz com meu garoto, que hoje já está mais alto que eu. Mas o que me fez retomar esses pensamentos a poucos dias, foi uma notícia que me deixou espantado: uma recente pesquisa revelou que mais de 20 mil meninas menores de 15 anos engravidam todos os anos no Brasil. E se este número por si só, não lhe for perturbador, pense em todos os contextos possíveis a qual essas relações aconteceram... enfim, para além desses questionamentos, me peguei aflito por essas meninas que não tem a menor noção da vida e seus potenciais para já estarem a cargo de um filho. Uma criança cuidando de outra. Me detive por algumas horas, absorto por aquela informação, fazendo um paralelo com minha própria história. Tudo realmente tem seu tempo e não precisamos apressar a vida.

3 MIN6 d ago
Comments
SAÚDE CRÔNICA: Não apresse a vida, tudo tem seu tempo

SARAMPO: Mais de 3 milhões de crianças e jovens devem se vacinar

A nova fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo foi lançada pelo Ministério da Saúde, nessa segunda-feira (10). Mais de três milhões de crianças e jovens na faixa etária de 5 a 19 anos, devem ser vacinados entre 10 de fevereiro e 13 de março. No dia 15 de fevereiro será realizado o Dia ‘D’ de mobilização, quando diversos unidades de saúde ficarão abertas durante o sábado para proteger essas crianças e jovens. A campanha contra o sarampo tem o conceito “Mais proteção para a sua família”, com objetivo de sensibilizar pais e responsáveis sobre os riscos de não vacinar seus filhos. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, reforçou a importância da vacinação explicando que o sarampo é uma doença grave e que pode matar. “O que eu vejo é as pessoas não conhecerem, acharem que essas doenças não existem ou que são coisas do passado e o vírus está aí, o vírus está circulando. Tem gente que não imagina o que é, eu sou nascido em ...

2 MIN1 w ago
Comments
SARAMPO: Mais de 3 milhões de crianças e jovens devem se vacinar

PREVENÇÃO: Ministério da Saúde lança campanha para evitar Infecções Sexualmente Transmissíveis

A preocupação do HIV entre jovens, o aumento da sífilis e a contínua transmissão das hepatites. Esses são indicadores que revelam que o comportamento de risco, principalmente dos jovens, vem impedindo o país de avançar no combate às infecções sexualmente transmissíveis. Então, para incentivar o uso da camisinha e informar os jovens sobre os riscos e consequências de contrair uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, lançou a campanha “usar camisinha é uma responsa de todos”. As chamadas ISTs, aumentam em até 18 vezes a chance de infecção pelo HIV/Aids. Isso porque as infecções sexualmente transmissíveis geralmente causam lesões nos órgãos genitais, o que aumenta a vulnerabilidade para a pessoa adquirir o HIV, por meio do contato com secreções e sangue. Por isso, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, deixa um recado para os jovens. “O HIV é sim um grande problema que a gente costuma falar ‘ol...

2 MIN1 w ago
Comments
PREVENÇÃO: Ministério da Saúde lança campanha para evitar Infecções Sexualmente Transmissíveis

COROANVIRUS: Ministro da Saúde visita onde será quarentena de brasileiros que voltam da China

Nesta sexta-feira (7), os ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, visitaram as instalações da Base Aérea de Anápolis (GO) e explicaram detalhadamente como será a infraestrutura do local que receberá os brasileiros que retornarão de Wuhan, na China, local de onde surgiram os casos confirmados do novo coronavirus. Na ocasião, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, elogiou as ações adotadas pelo Ministério da Saúde “Nós tivemos a oportunidade de ver, aqui as instalações, o cuidado, o detalhamento de toda a área que será ocupada pelos 38 e mais que virão na comitiva. Parabéns Mandetta, com toda a equipe. Implantou no Brasil um protocolo que é referência hoje para o mundo. Com o cuidado que teve para que nós tivéssemos aqui os brasileiros, mas que não houvesse risco algum, não só aos anapolinos, aos goianos, e a todos os brasileiros”. As duas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) escaladas para a missão dev...

2 MIN1 w ago
Comments
COROANVIRUS: Ministro da Saúde visita onde será quarentena de brasileiros que voltam da China

CORONAVIRUS: Brasil capacita profissionais para diagnosticar o novo coronavírus

O Ministério da Saúde, em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), promoveu uma capacitação técnica com representantes de nove países da América Latina sobre como diagnosticar e atuar na emergência de saúde pública com o novo coronavírus. O Brasil é referência mundial para o diagnóstico laboratorial de vírus respiratórios. Durante dois dias, os profissionais puderam compartilhar experiências e fortaleceram a capacidade de realizar diagnósticos nacionais e regional. Também foi possível garantir que os Estados Membros da Região das Américas estejam preparados para responder à emergência sanitária, com a utilização dos mesmos protocolos de análise preconizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e já usados pelo no Brasil. De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, essa estratégia vai melhorar atuação do governo brasileiro em favor da ...

2 MIN1 w ago
Comments
CORONAVIRUS: Brasil capacita profissionais para diagnosticar o novo coronavírus

CORONAVIRUS: Ministério da Saúde registra diminuição de casos suspeitos

O Ministério da Saúde atualizou, nesta terça-feira (4), as informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde sobre a situação dos casos suspeitos do coronavírus no Brasil. O novo boletim registrou a diminuição de um caso suspeito em relação à atualização anterior. Agora, 13 casos se enquadram na atual definição de caso suspeito para coronavírus. O Secretário de vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, reforçou que todas as medidas de cuidado com a saúde pública estão sendo tomadas pelo governo do Brasil. “Nós fizemos a publicação, hoje, da portaria 188 que declara emergência de saúde pública. Não tem nenhum caso confirmado no Brasil, reiteramos não temos nenhum caso confirmado no Brasil. Mas dada a conjectura da declaração de emergência de saúde pública de importância internacional, entendemos que era necessário fazer um ajuste para poder dar celeridade aos processos, mas é basicamente uma atividade no âm...

1 MIN2 w ago
Comments
CORONAVIRUS: Ministério da Saúde registra diminuição de casos suspeitos

CORONAVÍRUS: Governo está trabalhando em lei para trazer brasileiros da China

O Governo do Brasil decidiu reconhecer a emergência sanitária internacional do coronavírus e elevar o nível da resposta brasileira para Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional. Essa decisão ocorre mesmo sem nenhum caso confirmado de coronavírus no Brasil. Além disso, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou que uma Medida Provisória (MP) está em elaboração para ser encaminhada ao Congresso Nacional e acelerar o processo de trazer os brasileiros que moram em Wuhan, na China, e demonstraram intenção de retornar ao Brasil. Esses brasileiros passarão por exames para avaliar as condições clínicas para viagem. Ao chegar aqui no Brasil, eles deverão permanecer em um período de quarentena. Isso significa um tempo em isolamento para observação médica, mas esse tempo ainda está em discussão pelo governo brasileiro por conta dos cuidados que se deve ter com cada brasileiro, como explica o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “A gente...

2 MIN2 w ago
Comments
CORONAVÍRUS: Governo está trabalhando em lei para trazer brasileiros da China

CORONAVÍRUS: Ministério da Saúde orienta evitar viagens à China

A Organização Mundial da Saúde, a OMS, já considera todo o território chinês área de transmissão ativa do novo coronavírus. Até o momento, são quase três mil casos confirmados na China. Em coletiva de imprensa, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, reforçou que o Brasil está vigilante sobre o comportamento do vírus e se prepara para prestar a melhor assistência necessária para a população. “O nosso sistema de saúde já lidou com a SARS, já lidou com H1 N1, já lidamos com outro em 2014. Não é um sistema que está sendo preparado agora, nós temos os planos de contingência e o que nós vamos fazer é atualizar, colocar eles todos nos seus devidos patamares, já que todo o protocolo é definido e já é de conhecimento de todas as equipes dos estados e municípios”. O Brasil segue a orientação da OMS e o protocolo para síndrome aguda respiratória que define que pessoas que vieram da China, nos últimos 14 dias e que apresentem febre e sintomas res...

2 MIN3 w ago
Comments
CORONAVÍRUS: Ministério da Saúde orienta evitar viagens à China

CORONAVÍRUS: Brasil está preparado para combater a doença

O mundo está assustado por conta do surgimento do novo coronavírus, que causa uma doença respiratória que surgiu na China há algumas semanas. Apesar de não ter casos registrados no Brasil, o Ministério da Saúde instalou, nesta quarta-feira (22), o Centro de Operações de Emergência (COE). O objetivo é preparar a rede pública de saúde para o atendimento se surgirem casos. O secretário substituto de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Julio Croda, garante que, se for necessário, o Brasil está preparado para enfrentar essa doença. “Por conta disso, já ativamos o nosso Centro de Operação de Emergência nível 1, para organizar rede, organizar com os estados, estabelecer critérios de definição de caso importante e, principalmente, fazer uma atualização diária no sentido que novas informações venham a surgir a respeito desse novo vírus. Na página do Ministério, nós iremos postar diariamente uma atualização se há algum critério de definiçã...

2 MINJAN 24
Comments
CORONAVÍRUS: Brasil está preparado para combater a doença

Latest Episodes

PREVENÇÃO: Campo Grande (MS) vai testar mosquitos que combatem a dengue

A cidade de Campo Grande (MS) será a segunda no país a testar uma técnica inovadora para prevenção da dengue e outras doenças carregadas pelo mosquito Aedes aegypti, como chikungunya e zika. Trata-se do Método Wolbachia, uma nova estratégia de ação do Ministério da Saúde. A Wolbachia é um microrganismo presente em cerca de 60% dos insetos na natureza, mas ausente no Aedes aegypti. Esse microrganismo reduz a capacidade de o mosquito transmitir dengue, Zika e Chikungunya. Desta forma, o Wolbachia foi inserido em mosquitos para que eles se misturem à natureza e aos outros mosquitos e, assim, diminuam o número de casos dessas doenças. Cerca de 2.500 profissionais de saúde, entre agentes de endemias e agentes comunitários de saúde, estão recebendo capacitação para atuar nas ações de vigilância, incluindo a mobilização da população nesta nova estratégia. Nessa segunda-feira (17), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, assinou o documento que formaliza a participação de Campo Grande na iniciativa e explicou que a dengue se combate com prevenção. “A dengue só tem um caminho: prevenção! Se você não consegue prevenir e, às vezes, é difícil mesmo, nosso estado tem clima tropical, chuvas de verão, calor intenso... Todos os anos que entra o vírus que não estava circulando, o mosquito está presente, pega carona no vírus, as pessoas não tem imunidade e dá um número enorme de dengue”. Durante a solenidade na capital do Mato Grosso do Sul, o ministro Mandetta entregou 80 equipamentos (entre monitores de sinais vitais e desfibriladores) para reforçar o atendimento à população em unidades de saúde de 42 municípios do estado. Esses equipamentos são usados, principalmente, na remoção de pacientes, em UTI’s, pronto-socorro e enfermarias. Nos próximos dias, serão entregues cerca de 230 equipamentos a outros três estados: Roraima, Rondônia e Paraíba. Ao todo, são 321 equipamentos distribuídos neste ano com investimento de quase dez milhões de reais.

2 MIN3 d ago
Comments
PREVENÇÃO: Campo Grande (MS) vai testar mosquitos que combatem a dengue

SAÚDE CRÔNICA: Não apresse a vida, tudo tem seu tempo

Eu fui pai aos 21 anos e, apesar de não ser mais um adolescente, a minha vida inteira mudou a partir daquele momento. Para ser bem honesto, tudo já havia mudado quase um ano antes, quando eu ainda tinha 20 anos e acabava de saber que minha namorada estava grávida. Foi um baque absurdo que me deixou perdido por algum tempo. Dali em diante, eu teria a responsabilidade cuidar de uma criança, ensinar os primeiros passos e mostrar como nosso mundo funciona. Confesso, que estava assustado. Como não ficaria? Não houve um planejamento para aquela situação, aquele momento. Será que eu daria conta de tomar conta de uma pessoinha tão dependente de tudo para viver? A maior parte disso tudo passou bem rápido, bastou que eu desse a primeira olhada no Arthur, todo miudinho e encolhido, envolvido em uma manta verde clara enquanto dormia no berço do hospital. Meu coração acelerou sem que eu nem percebesse, parecendo que sairia peito à fora. Enquanto eu olhava aquele bebezinho, parecia que o mundo ao meu redor havia parado de girar e eu não conseguia pensar em nada, apenas sentia as emoções que chegavam naquele momento. Quando voltei aos sentidos plenos, notei que estava prendendo a respiração sem motivo algum. Então relaxei e pensei “vai dar tudo certo”. Aqueles dias foram muitos difíceis. Tão complicados que quando a madrugada caia e a cidade estava em silêncio, eu me aninhava na janela do apartamento observando absolutamente nada e pensava em silêncio. Refletia sobre sacrifício e dedicação. Recordava sobre tudo o que meus pais fizeram por meus irmãos e eu, e em como eu poderia repassar um pouco disso ao meu pequeno Arthur. Pensava no que eu podia fazer por ele, no conforto, na saúde, nos estudos, na diversão, no carinho e no amor. Fui sempre adiante. E, assim, o tempo transcorreu na sua forma constante e inabalável enquanto, para nós mortais, a impressão seja a de que algumas horas correm e outras se desenrolam vagarosamente. Hoje olho para trás, contemplando esses 14 anos, vejo nitidamente que poderia ter sido mais fácil, algumas formas de trabalhar a vida poderiam ter sido outras, mas como eu poderia saber? Era pouco mais que um jovem adolescente com toda sua pressa em ter o mundo na hora! Tive a sabedoria de meus pais como guia enquanto seguia nessa jornada e não poderia ser mais feliz com meu garoto, que hoje já está mais alto que eu. Mas o que me fez retomar esses pensamentos a poucos dias, foi uma notícia que me deixou espantado: uma recente pesquisa revelou que mais de 20 mil meninas menores de 15 anos engravidam todos os anos no Brasil. E se este número por si só, não lhe for perturbador, pense em todos os contextos possíveis a qual essas relações aconteceram... enfim, para além desses questionamentos, me peguei aflito por essas meninas que não tem a menor noção da vida e seus potenciais para já estarem a cargo de um filho. Uma criança cuidando de outra. Me detive por algumas horas, absorto por aquela informação, fazendo um paralelo com minha própria história. Tudo realmente tem seu tempo e não precisamos apressar a vida.

3 MIN6 d ago
Comments
SAÚDE CRÔNICA: Não apresse a vida, tudo tem seu tempo

SARAMPO: Mais de 3 milhões de crianças e jovens devem se vacinar

A nova fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo foi lançada pelo Ministério da Saúde, nessa segunda-feira (10). Mais de três milhões de crianças e jovens na faixa etária de 5 a 19 anos, devem ser vacinados entre 10 de fevereiro e 13 de março. No dia 15 de fevereiro será realizado o Dia ‘D’ de mobilização, quando diversos unidades de saúde ficarão abertas durante o sábado para proteger essas crianças e jovens. A campanha contra o sarampo tem o conceito “Mais proteção para a sua família”, com objetivo de sensibilizar pais e responsáveis sobre os riscos de não vacinar seus filhos. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, reforçou a importância da vacinação explicando que o sarampo é uma doença grave e que pode matar. “O que eu vejo é as pessoas não conhecerem, acharem que essas doenças não existem ou que são coisas do passado e o vírus está aí, o vírus está circulando. Tem gente que não imagina o que é, eu sou nascido em ...

2 MIN1 w ago
Comments
SARAMPO: Mais de 3 milhões de crianças e jovens devem se vacinar

PREVENÇÃO: Ministério da Saúde lança campanha para evitar Infecções Sexualmente Transmissíveis

A preocupação do HIV entre jovens, o aumento da sífilis e a contínua transmissão das hepatites. Esses são indicadores que revelam que o comportamento de risco, principalmente dos jovens, vem impedindo o país de avançar no combate às infecções sexualmente transmissíveis. Então, para incentivar o uso da camisinha e informar os jovens sobre os riscos e consequências de contrair uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, lançou a campanha “usar camisinha é uma responsa de todos”. As chamadas ISTs, aumentam em até 18 vezes a chance de infecção pelo HIV/Aids. Isso porque as infecções sexualmente transmissíveis geralmente causam lesões nos órgãos genitais, o que aumenta a vulnerabilidade para a pessoa adquirir o HIV, por meio do contato com secreções e sangue. Por isso, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, deixa um recado para os jovens. “O HIV é sim um grande problema que a gente costuma falar ‘ol...

2 MIN1 w ago
Comments
PREVENÇÃO: Ministério da Saúde lança campanha para evitar Infecções Sexualmente Transmissíveis

COROANVIRUS: Ministro da Saúde visita onde será quarentena de brasileiros que voltam da China

Nesta sexta-feira (7), os ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, visitaram as instalações da Base Aérea de Anápolis (GO) e explicaram detalhadamente como será a infraestrutura do local que receberá os brasileiros que retornarão de Wuhan, na China, local de onde surgiram os casos confirmados do novo coronavirus. Na ocasião, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, elogiou as ações adotadas pelo Ministério da Saúde “Nós tivemos a oportunidade de ver, aqui as instalações, o cuidado, o detalhamento de toda a área que será ocupada pelos 38 e mais que virão na comitiva. Parabéns Mandetta, com toda a equipe. Implantou no Brasil um protocolo que é referência hoje para o mundo. Com o cuidado que teve para que nós tivéssemos aqui os brasileiros, mas que não houvesse risco algum, não só aos anapolinos, aos goianos, e a todos os brasileiros”. As duas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) escaladas para a missão dev...

2 MIN1 w ago
Comments
COROANVIRUS: Ministro da Saúde visita onde será quarentena de brasileiros que voltam da China

CORONAVIRUS: Brasil capacita profissionais para diagnosticar o novo coronavírus

O Ministério da Saúde, em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), promoveu uma capacitação técnica com representantes de nove países da América Latina sobre como diagnosticar e atuar na emergência de saúde pública com o novo coronavírus. O Brasil é referência mundial para o diagnóstico laboratorial de vírus respiratórios. Durante dois dias, os profissionais puderam compartilhar experiências e fortaleceram a capacidade de realizar diagnósticos nacionais e regional. Também foi possível garantir que os Estados Membros da Região das Américas estejam preparados para responder à emergência sanitária, com a utilização dos mesmos protocolos de análise preconizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e já usados pelo no Brasil. De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, essa estratégia vai melhorar atuação do governo brasileiro em favor da ...

2 MIN1 w ago
Comments
CORONAVIRUS: Brasil capacita profissionais para diagnosticar o novo coronavírus

CORONAVIRUS: Ministério da Saúde registra diminuição de casos suspeitos

O Ministério da Saúde atualizou, nesta terça-feira (4), as informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde sobre a situação dos casos suspeitos do coronavírus no Brasil. O novo boletim registrou a diminuição de um caso suspeito em relação à atualização anterior. Agora, 13 casos se enquadram na atual definição de caso suspeito para coronavírus. O Secretário de vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, reforçou que todas as medidas de cuidado com a saúde pública estão sendo tomadas pelo governo do Brasil. “Nós fizemos a publicação, hoje, da portaria 188 que declara emergência de saúde pública. Não tem nenhum caso confirmado no Brasil, reiteramos não temos nenhum caso confirmado no Brasil. Mas dada a conjectura da declaração de emergência de saúde pública de importância internacional, entendemos que era necessário fazer um ajuste para poder dar celeridade aos processos, mas é basicamente uma atividade no âm...

1 MIN2 w ago
Comments
CORONAVIRUS: Ministério da Saúde registra diminuição de casos suspeitos

CORONAVÍRUS: Governo está trabalhando em lei para trazer brasileiros da China

O Governo do Brasil decidiu reconhecer a emergência sanitária internacional do coronavírus e elevar o nível da resposta brasileira para Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional. Essa decisão ocorre mesmo sem nenhum caso confirmado de coronavírus no Brasil. Além disso, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou que uma Medida Provisória (MP) está em elaboração para ser encaminhada ao Congresso Nacional e acelerar o processo de trazer os brasileiros que moram em Wuhan, na China, e demonstraram intenção de retornar ao Brasil. Esses brasileiros passarão por exames para avaliar as condições clínicas para viagem. Ao chegar aqui no Brasil, eles deverão permanecer em um período de quarentena. Isso significa um tempo em isolamento para observação médica, mas esse tempo ainda está em discussão pelo governo brasileiro por conta dos cuidados que se deve ter com cada brasileiro, como explica o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “A gente...

2 MIN2 w ago
Comments
CORONAVÍRUS: Governo está trabalhando em lei para trazer brasileiros da China

CORONAVÍRUS: Ministério da Saúde orienta evitar viagens à China

A Organização Mundial da Saúde, a OMS, já considera todo o território chinês área de transmissão ativa do novo coronavírus. Até o momento, são quase três mil casos confirmados na China. Em coletiva de imprensa, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, reforçou que o Brasil está vigilante sobre o comportamento do vírus e se prepara para prestar a melhor assistência necessária para a população. “O nosso sistema de saúde já lidou com a SARS, já lidou com H1 N1, já lidamos com outro em 2014. Não é um sistema que está sendo preparado agora, nós temos os planos de contingência e o que nós vamos fazer é atualizar, colocar eles todos nos seus devidos patamares, já que todo o protocolo é definido e já é de conhecimento de todas as equipes dos estados e municípios”. O Brasil segue a orientação da OMS e o protocolo para síndrome aguda respiratória que define que pessoas que vieram da China, nos últimos 14 dias e que apresentem febre e sintomas res...

2 MIN3 w ago
Comments
CORONAVÍRUS: Ministério da Saúde orienta evitar viagens à China

CORONAVÍRUS: Brasil está preparado para combater a doença

O mundo está assustado por conta do surgimento do novo coronavírus, que causa uma doença respiratória que surgiu na China há algumas semanas. Apesar de não ter casos registrados no Brasil, o Ministério da Saúde instalou, nesta quarta-feira (22), o Centro de Operações de Emergência (COE). O objetivo é preparar a rede pública de saúde para o atendimento se surgirem casos. O secretário substituto de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Julio Croda, garante que, se for necessário, o Brasil está preparado para enfrentar essa doença. “Por conta disso, já ativamos o nosso Centro de Operação de Emergência nível 1, para organizar rede, organizar com os estados, estabelecer critérios de definição de caso importante e, principalmente, fazer uma atualização diária no sentido que novas informações venham a surgir a respeito desse novo vírus. Na página do Ministério, nós iremos postar diariamente uma atualização se há algum critério de definiçã...

2 MINJAN 24
Comments
CORONAVÍRUS: Brasil está preparado para combater a doença
hmly
himalayaプレミアムへようこそ聴き放題のオーディオブックをお楽しみください。